sábado, 12 de março de 2011

Resenha: Asas

Nome: Wings (Asas)
Autor: Aprillynne Pike
Edição: 1
Editora: Bertrand Brasil
ISBN: 0
Ano: 2011
Páginas: 294
Sinopse Original: Laurel foi encontrada na porta da casa de seus pais adotivos e sempre estudou com a mãe. Aos quinze anos, após se mudar para uma nova cidade e se matricular em uma escola, sua vida muda completamente. Para começar, desde sempre solitária, ela ganha um grupo de amigos e um admirador apaixonado, David. E isso será apenas o início. À primeira vista, Laurel é uma garota comum, com os problemas de qualquer adolescente. O que a diferencia, porém, é ter um segredo maravilhoso e perigoso: ela é uma fada e tem a missão de proteger o portal de Avalon.

Laurel tem quinze anos. É uma garota normal, a não ser pelo fato de não comer carne e nunca sentir frio mesmo na nevasca. Morava em uma pequena cidade, e, quando seus pais compram uma livraria em outro local, eles têm que se mudar.

Antes, Laurel estudava em casa, e agora seus pais a matricularam em uma escola. Era seu primeiro ano estudando junto com outras pessoas de sua idade. No seu primeiro dia de aula, Laurel conhece David, que logo se torna um grande amigo.
Laurel aparentemente teve sua primeira espinha nas costas. Mas, começou a crescer e ficar de um tamanho extraordinário para uma simples espinha. Laurel pensava que isso era um tumor. Até que uma semana passa e o calombo sumiu. No lugar dele, haviam asas. E as asas tem cheiro de flor, com um perfume maravilhoso.
Laurel descobre que não é humana, e sim, uma fada.

É um tipo de conto de fadas diferente. Ao ler, você se esquece totalmente de que as princesas, as garotas perfeitas e as varinhas de condão fazem parte desse mesmo gênero. Não consigo denominar este livro como realmente um conto de fadas. É um livro mais maduro que um conto de fadas qualquer, e ao mesmo tempo é encantado e fofo, igual aos outros. Também envolve mais "humanidade", digamos assim. Laurel é uma garota, humana, que faz parte de um mundo mágico.

Tenho que dizer que no início não gostei muito do livro. Mas depois de ler mais, ficava cada vez mais curiosa para saber o que iria acontecer nas próximas páginas. Realmente indico para quem gosta de contos de fadas, porque vão adorar Asas!

10 comentários:

Ana Ferreira disse...

O livro parece daqueles meigos e o que mais me agrada, é o fato de ser um sobrenatural diferente. Vampiros e anjos estão cansando um pouco, né?
Gosto desses livros com esse toque fantástico, encantado.
Espero que lancem-o logo no Brasil :)

Corre lá no blog que tá rolando a promoção do livro Linhas, de Sophia Bennett!

Beijos,
Ana - Na Parede do Quarto

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Hey, Mari!

Achei bonitinha a capa e a sinopse. Vai entrar pra fila!

Beijocas!

Raphaela disse...

Bom, eu gostei da sinopse e da resenha, deve ser bem fofinho!

Mas eu ainda nao leio livros em ingles ;/ entao voi esperar né??

hehehe

Beeeijos
Rapha = Doce Encanto

Equipe do Blog disse...

Oi, tudo bem ?
Tem vários selinhos para você la no meu blog.
lireliegostei.blogspot.com
Até!

Beta disse...

Oi linda! Vim aqui te desejar um feliz dia da poesia e te convidar para conhecer o autor Mário Goulart. Além de aproveitar para participar do sorteio do seu livro! Te espero no Mix, segue o link da entrevista/sorteio: http://www.mixculturainformacaoearte.com/2011/03/mario-goulart-autor-do-livro-tio-heroi.html

Abs,
Beta

A Bloqueira disse...

Ah, adorei a sua resenha e a capa é até que bonitinha. É nessas horas que quero morrer por não ler em inglês 'Haha

Beijos&beijos
Book is life

Karol Barros disse...

Layout exclusivo ?
http://overbotobe.blogspot.com/2011/02/promocao-seu-blog-de-cara-nova.html

Participe !

мє™ disse...

Oi...
Adorei seu blog, e todos os comments que fez dos livros. Já li alguns que vc apontou.
Se cuida, já estou seguindo, se quiser se seguir o meu também, esteja à vontade.

Luciana Mara disse...

Ei!

Gostei da sinopse.
Eu gosto de contos de fada... Mas vou ter que esperar o livro ser publicado aqui =P

Bjins

Luana Farias disse...

Parece fofa mesmo a história, eu gosto de fadas, talvez eu até leia.

Bjs